Discussão de casos clínicos: Criança com hemiplegia espástica – Paralisia Cerebral

Grupo de Formação:Ações de formação contínua
Responsável:Fisioterapia
Nº horas da Formação:2h
Nº de ECTS:0
Nº de horas de contato:2h
Nº de horas totais:5h
Nº de Vagas:100
Nº Mínimo de Participantes:20

Formadores
Andreia Sara Silva Rocha

Áreas Técnico-Científicas

Público-Alvo

Objectivos
1. desenvolver um raciocínio clínico enquanto fisioterapeuta tendo por base a análise do movimento e as especificidades desta condição clínica;
2. avaliar e modificar o controlo postural em diferentes conjuntos posturas;
3. identificar e aplicar os princípios para a facilitação do movimento, adequando a diferentes sequências de movimento;
4. desenhar e executar um plano de intervenção em fisioterapia num situação específica de hemiplegia espástica.

Programa
Introdução à patologia (Epidemiologia e Fisiopatologia) – revisão de conceitos
Componentes de Avaliação em Fisioterapia
Intervenção em Fisioterapia – O que vamos fazer? Porque vamos fazer? Como vamos fazer? Quando vamos fazer? Que recursos vamos utilizar? Que objetivos esperamos alcançar?
A intervenção do fisioterapeuta integrada em equipas interdisciplinares
A importância da capacitação à família e cuidadores

Agenda
DataLocalInícioFim
15-05-2020Plataforma Online09:0011:00

Valor da Inscrição
Público/DataAté 14-05-2020
Educadores Clínicos0.00€
Estudantes de Fisioterapia da ESS0.00€
O prazo de inscrição do evento já foi ultrapassado.